filmes

Filme: Minha Obra Prima, 2019

Renzo (Luis Brandoni) é um pintor em decadência, que sobrevive dando aulas para seu único aluno, Alex (Raúl Arévalo). Então, junto com Arturo (Guillermo Francella), seu amigo que é dono de uma galeria, Renzo planeja uma nova estratégia para resolver seus problemas.

Minha Obra Prima é o novo filme de Gastón Duprat.

Tem diversos aspectos interessantes em Minha Obra Prima, o primeiro deles é o protagonista. Renzo aparece como um pintor que já viu dias melhores, para piorar sua situação, ele não tem qualquer habilidade social e trata todo mundo mal. Renzo vive do dinheiro que ganha dando aulas para Alex, seu único aluno, que ele também trata mal.

Minha-obra-prima01

Em um filme mais dentro dos padrões hollywoodianos, a trama encontraria uma forma de modificar o caráter de Renzo, mas não é o que acontece em Minha Obra Prima, a impressão que passa é que o filme quer inclusive fortalecer a personalidade que ele já tem.

Quando Renzo se junta a Arturo e eles começam a bolar o plano que, na teoria, vai salva-los, o filme se torna cada vez mais divertido, já que acompanhamos as confusões ao que os dois se submetem.

Outro ponto interessante é que o filme faz uma sátira com o mundo da arte. Ele nos apresenta um pintor que não gosta de se relacionar com outras pessoas, um dono de galeria disposto a tudo e até um aprendiz que só quer viver de arte.

Minha-obra-prima02

Cada personagem representa uma pessoa que de fato existe nessa área, embora claro, existam exageros, o que torna Minha Obra Prima um filme realista.

Não só isso, mas Minha Obra Prima tira sarro de hábitos e ideias comuns nesse meio, e isso é divertido.

Naturalmente que Minha Obra Prima não é um filme cheio de cortes e repleto de cenas de ação, mas ele também não é um filme parado e está bem longe da ideia pré-existente de filme europeu. Ele é divertido, ao mesmo tempo que critica muitos aspectos do meio da arte.

Minha-obra-prima03

O elenco também funciona muito bem nos seus papeis, especialmente Luis Brandoni, Raúl Arévalo e Guillermo Francella. Eles conseguem separar bem os momentos dramáticos e os momentos divertidos. Boa parte da graça de Minha Obra Prima é o seu elenco, que está bem dentro dos seus personagens.

Minha Obra Prima uma do mundo da arte para não só criticar, mas também para fazer a platéia rir. O filme consegue fazer isso muito bem.

Minha Obra Prima entra em cartaz no dia 21 de março.

 

 

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s