filmes

Filme: Carta Para Além dos Muros, 2019

Carta Para Além dos Muros reexamina a história da AIDS no Brasil, começando pelo seu surgimento e as diversas mortes dos anos 80 e 90, até os dias de hoje.

Para isso, entrevista médicos, ministros e portadores do vírus, fazendo assim, um panorama do vírus HIV e do preconceito que ainda circunda ele.

Carta Para Além dos Muros começa contextualizando o telespectador em relação ao vírus da AIDS, e é nesse momento que acompanhamos pessoas que já eram nascidas na época da epidemia falando sobre o assunto. O mais interessante é que algumas dessas pessoas de fato são portadoras do vírus e podem falar sobre isso com mais propriedade e de uma maneira pessoal e direta que nem sempre é vista.

cartas-para-alem-dos-muros01

Os depoimentos passam pelo momento em que a doença foi descoberta, e obviamente, como ela foi tratada pelo governo. Naturalmente que o preconceito, um tema que sempre está muito ligado ao assunto, também aparece.

 

O fato do vírus HIV ter se manifestado inicialmente entre os gays fez com que se criasse o mito de que era uma doença que atingia apenas essa parcela da população, tanto que o vírus passou a ser conhecido como “câncer gay” ou “peste gay”. Essa ideia já foi desmitificada a um tempo, mas ainda hoje se relaciona uma coisa à outra.

Também é em função dessa ideia que se demorou a tomar providencias para curar ou pelo menos tentar frear a doença. Como era uma doença que supostamente se manifestava entre homens gays, considerados promíscuos, o governo, de nenhum país parecia disposto a resolver a questão, levando diversas pessoas a morte.

cartas-para-alem-dos-muros02

A maioria dos filmes, documentários e livros que abordam o assunto se focam nos anos 80 e 90, justamente porque essa foi a época em que aconteceu a epidemia de AIDS e consequentemente, alguns estudos sobre o assunto. Carta Para Além dos Muros vai um pouco mais longe e também aborda a AIDS nos dias de hoje.

Como tudo que gira em volta da doença, existe muita desinformação, e uma delas é a noção de que atualmente existe um número pequeno de pessoas soropositivas, o que não é verdade. Na realidade, existe um número alto de jovens que vivem com o vírus, ainda nos dias de hoje e muito disso, se deve ao fato de que não se fala sobre isso e que muitas pessoas não recebem informações corretas. A geração que acompanhou a epidemia dos anos 80 e 90, temia a doença, a geração atual, no entanto, que não sabe muita coisa sobre o assunto, nem pensa sobre isso na hora de se proteger.

 

Carta Para Além dos Muros entrevista um jovem, que prefere se manter anônimo e que descobriu recentemente que é soropositivo, através dele podemos constatar não só como a falta de informação é prejudicial e um problema social, mas também como esse é um diagnóstico muito solitário. Ele narra como não quer que ninguém saiba, porque não quer ser rechaçado e que quando for se assumir para a família, ele vai ter que se assumir duas vezes: primeiro como homossexual e depois, como portador do vírus HIV.

cartas-para-alem-dos-muros03

Carta Para Além dos Muros é um filme simples, quando se trata dos aspectos técnicos. Os depoimentos são filmados em uma única sala e o cenário consiste basicamente de uma cadeira, nem seria necessário uma grande produção, uma vez que o tema em si, já é forte o suficiente.

O documentário é inovador em vários sentidos, como por exemplo, em fazer uma linha do tempo do vírus da AIDS no Brasil, partindo de suas primeiras descobertas e chegando aos dias de hoje e ainda dando opções e ideias de para onde a gente pode seguir a partir daqui. Além do mais, Carta Para Além dos Muros é um dos poucos filmes que fala sobre esse assunto no contexto brasileiro, existem diversos filmes, ficcionais e documentais, que falam sobre o impacto da AIDS em outros países, e mais frequentemente nos Estados Unidos, mas Carta Para Além dos Muros é o único que fala do impacto do vírus no Brasil e por isso mesmo, é um filme diferente e relevante.

Carta Para Além dos Muros entrevistas diversos especialistas, como o médico Drauzio Varella, os ex-ministros da saúde, José Serra e José Gomes Temporão, a apresentadora Marina Person, Lucinha Araújo, mãe de Cazuza, vítima da doença, entre outras pessoas. Todos esses depoimentos dão credibilidade a tudo que é mostrado em cena.

cartas-para-alem-dos-muros04

O documentário não tem muitas imagens de arquivo, mas mostra alguns dos entrevistados quando mais novos e coloca eles de frente com as opiniões que tinham antigamente, o que também é interessante de se ver.

Também é importante ressaltar que apesar de Carta Para Além dos Muros falar de um assunto pesado e muitas vezes triste, ele não é um filme difícil de assistir, o telespectador fica preso nele e a quantidade de informações passadas faz com que queiramos assistir até o final.

cartas-para-alem-dos-muros05

Carta Para Além dos Muros é um documentário que se propõe a falar sobre um tema extremamente importante, que muitas vezes é escondido, portanto é um filme que se faz importante e que passa informações que deveriam ser mais divulgadas. Carta Para Além do Mundo é essencial.

O filme chega aos cinemas no dia 26 de setembro.

Título no Brasil: Carta Para Além dos Muros

Título original: Carta Para Além dos Muros

Diretor: André Canto

Gênero: Documentário

Nacionalidade: Brasil

Ano: 2019

Duração: 1h25

Elenco: Drauzio Varella, Marina Person, José Serra, Lucinha Araújo

 

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s