Adaptações, filmes

Filme: We Have Always Lived in the Castle, 2018

As irmãs Merricat (Taissa Farmiga) e Constance (Alexandra Daddario) e seu tio Julian (Crispin Glover) são os únicos membros da família Blackwood que restaram depois de uma tragédia. Os três vivem confinados na casa grande da família, que também é afastada da cidade e são mal vistos pelo resto dos habitantes.

Até que Charles (Sebastian Stan), o primo delas aparece e começa a mandar e desmandar na casa, levando as irmãs a terem que lidar com o primo e com os segredos que elas mesmas guardam.

We Have Always Lived in the Castle é inspirado no livro Sempre Vivemos no Castelo, de Shirley Jackson.

we-have-always-lived-in-the-castle01

O filme é relativamente fiel ao livro, ele se passa mais ou menos no mesmo tempo em que o livro e tem basicamente os mesmos personagens. Somos apresentados a Merricat e Constance, duas irmãs que enterraram toda a família, morta em um episódio de envenenamento coletivo, pelo qual Constance foi condenada.

Constance mantem uma pose de mulher fina e requintada, está sempre muito bem vestida e arrumada, mas ela é odiada na cidade e já não consegue sair de casa a um tempo, Merricat por outro lado, anda descuidada, toda curvada e embora consiga sair de casa e, portanto, seja responsável por fazer compras do que elas precisam, é obcecada por feitiços e superstições e também não é bem vista na cidade.

As duas ainda vivem com Julian, o tio delas, que sobreviveu ao episódio do envenenamento, mas ficou preso a uma cadeira de rodas. Os três vivem sua própria rotina e em seu próprio mundo, até que Charles, o primo de Merricat e Constance aparece e começa a dominar a casa.

we-have-always-lived-in-the-castle02

Mais ou menos de acordo com suas personalidades, Merricat e Constance tem reações bem diferentes a chegada e a permanência de Charles. Enquanto Constance faz tudo para agradar o primo e deixa que ele inclusive, ocupe lugares que antes eram do pai das meninas, como o quarto e a cadeira na mesa de jantar, Merricat mal olha para o primo e não tem problemas em demonstrar o desgosto que ela sente com aquela presença. Constance parece cada vez mais seduzida por Charles, como se ela estivesse de fato, apaixonada por ele.

O que acontece é que Charles desestabiliza a família Blackwood, ninguém na casa mais se comporta da mesma maneira, Constance se submete a todas as vontades de Charles, Julian acha que ele é o seu irmão e Merricat fica cada vez mais distante, além disso, Charles é bem recebido na cidade onde escuta e conta boatos e segredos que não deveriam vir à tona. Na casa dos Blackwood, Charles representa o que vem de fora, o que não é bem-vindo pela família.

A situação na casa vai se tornando cada vez mais insuportável, e o público vai percebendo que algo vai acontecer. Até aí, o filme é muito parecido com o livro de Jackson, mas ele tem uma diferença que é muito relevante.

we-have-always-lived-in-the-castle03

Sempre Vivemos no Castelo é um história estranha, onde o leitor não consegue entender muito bem tudo que acontece, embora perceba que tenha algo muito errado com aquela família. Jackson não deixa muita coisa clara, a maioria das coisas, o leitor tem que entender por si mesmo, mas ela consegue instaurar um clima de tensão, que é interessante e que sustenta a trama toda.

O leitor sabe que a família Blackwood foi inteira envenenada, e que só sobraram Merricat, Constance e o tio Julian, sabe também que os personagens são, no mínimo, estranhos, e que tem algum grande segredo que não está sendo dito com todas as palavras, mas que está lá, nas entrelinhas.

O filme não tem esse clima. Os elementos estão lá, o roteiro é fiel, os personagens se movimentam como deveriam e os cenário fazem sentido, mas de alguma maneira, falta o clima.

we-have-always-lived-in-the-castle04

Isso prejudica muito o filme, uma vez que sem o clima de tensão que deixa o leitor a flor da pele, We Have Always Lived in the Castle soa como uma história estranha sobre duas personagens excêntricas. É interessante, claro, que o filme traga à tona temas como o TOC de Merricat, que é cheia de pequenas manias e a agorafobia de Constance, mas esses temas, embora possam fazer muito mais sentido hoje do que na época em que o livro foi publicado e que sejam mais reconhecíveis nos dias de hoje, não são mérito do filme e sim da obra original, que já tratava de temas assim em uma época onde não se falava muito sobre isso.

Em relação a produção do filme, ela é de fato impecável, os cenários são perfeitos e se parecem muito com os descritos por Jackson, os figurinos são bonitos e nos remetem a época em que a história se passa, além disso, eles transpassam as personalidades dos personagens. Constance está sempre com vestidos extremamente femininos e coloridos, enquanto Merricat usa bermudas e camisetas escuras.

we-have-always-lived-in-the-castle05

O filme também tem boas atuações, Sebastian Stan se sai bem no seu papel e Alexandra Daddario entrega uma boa Constance, no entanto, quem chama a atenção mesmo é Taissa Farmiga, que apresenta uma Merricat tão esquisita que o telespectador se sente até constrangido pela personagem, até a maneira de andar da atriz está diferente.

We Have Always Lived in the Castle parte de uma boa história e apresenta uma boa produção, mas obviamente não supera a obra original e perde muito quando não consegue reproduzir o clima do livro, que é seu ponto alto.

Título no Brasil: We Have Always Lived in the Castle

Título original: We Have Always Lived in the Castle

Direção: Stacie Passon

Gênero: Suspense, drama

Nacionalidade: EUA

Ano: 2018

Duração: 1h35min

Elenco: Taissa Farmiga, Alexandra Daddario, Sebastian Stan, Crispin Glover, Paula Malcomson

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s