livros

Conversas entre Amigos, Sally Rooney

“As pessoas estão sempre passando por alguma coisa, não é? É a vida, basicamente. São mais e mais coisas para enfrentar”.

Frances é uma escritora de vinte e um anos, que passa boa parte de seu tempo com sua ex-namorada e atual melhor amiga, Bobbi. As duas fazem apresentações de spoken word e assim chamam a atenção de Melissa, uma jornalista de trinta e poucos anos, que diz que quer escrever um perfil sobre o trabalho de Frances e Bobbi.

Rica, inteligente e sofisticada, Melissa encanta as duas mulheres mais jovens, mas Bobbi demonstra estar cada vez mais interessada pela mulher mais velha. Frances não gosta tanto assim de Melissa, mas acaba se aproximando do marido dela, Nick, um ator não muito bem-sucedido.

A relação entre Frances e Nick vai se tornando cada vez mais perigosamente próxima.

Conversas entre Amigos é narrado em primeira pessoa por Frances, uma jovem de vinte um anos que escreve poemas e não tem nenhuma intenção de trabalhar no futuro. Sua melhor amiga é Bobbi, com quem ela se apresenta frequentemente e com quem Frances costumava namorar na época da escola. Frances e Bobbi parecem ter superado completamente o relacionamento e se dão bem sendo só amigas.

As duas tem personalidades praticamente opostas, Frances é tímida, quieta e tem dificuldade para se relacionar com outras pessoas, enquanto Bobbi é animada e se comunica com facilidade, o que naturalmente atrai as pessoas. Conversas entre Amigos tem ainda mais um casal no centro de sua trama: Melissa, uma escritora experiente, que quer escrever um artigo sobre o trabalho de Frances e Bobbi, e Nick, seu marido ator, a quem Frances se refere uma série de vezes como “marido troféu”.

A partir do momento que Melissa mostra algum interesse pelo trabalho de Frances e Bobbi, ela se mistura à vida das duas e acaba encantando Bobbi. Fica claro que Bobbi, que se define como uma mulher homossexual, sente uma atração por Melissa e que Melissa, que se define como uma mulher bissexual, não liga muito para Frances e acha Bobbi muito mais interessante do que a amiga, embora não fique claro em momento nenhum se ela também está atraída por Bobbi. Frances, aparentemente, sente ciúmes de Bobbi e se sente rechaçada por Melissa, mas os ciúmes que ela sente não é necessariamente romântico e sim pela atenção que uma parece exigir da outra.

Fances acaba se aproximando de Nick, o marido de Melissa e percebe que ele é mais do que ela tinha imaginado inicialmente e se vê interessada nele. Resumindo, Conversas entre Amigos é uma bomba de sentimentos.

Não sabemos tudo que acontece com os outros personagens ou mesmo o que eles pensam, mas temos acesso a toda a vida de Frances e sabemos tudo que passa pela cabeça dela, por isso acompanhamos a mudança dos sentimentos e pensamentos dela em relação a Nick. Durante bastante tempo, o leitor até compreende por que ela se sente tão atraída assim por Nick.

Conversas entre Amigos tem ares de comédia romântica, isso porque o assunto principal do livro são as relações românticas de Frances, Bobbi, Melissa e Nick, mas ele tem um tom bem mais realista e até melancólica, e analisa esses relacionamentos de maneira bem profunda e nada idealizada. É óbvio que a relação entre Frances e Nick não é ideal e ela mesma se culpa o tempo todo, mas o livro não a julga por isso. O mesmo pode ser dito da relação de Melissa e Nick, que pelo pouco que temos acesso é extremamente infeliz, e da relação de Frances e Bobbi, que mesmo no aspecto da amizade, é tóxica e problemática.

O livro acerta, por exemplo, na maneira que trata esses personagens, que são jovens e jovens adultos, trafegando nessas relações confusas, como se eles estivessem aprendendo como se relacionar. Isso fica muito claro no caso de Frances, que se define como uma mulher bissexual, mas nunca teve nenhuma outra experiência para além de seu relacionamento com Bobbi, e cuja relação com Nick parece ser a primeira coisa que ela está fazendo sozinha, por si mesma, sem qualquer influência de Bobbi.

A trama também é bem atual e tem personagens com orientações sexuais diferentes. Conversas entre Pessoas é basicamente um quadrado amoroso, o que diferencia são justamente os personagens homossexuais e bissexuais, que dão uma outra cara para uma história que poderia ser clássica e até se tornar um clichê.

A escrita de Sally Rooney é de fato ótima e o livro traz à tona questões importantes e relevantes, Conversas entre Amigos prende o leitor rapidamente, mas fica menos empolgante no meio, não que isso diminua o trabalho de Rooney, que é preciso. A leitura, no entanto, é bem rápida, porque além de muito bem escrito, o livro é curto.

Conversas entre Amigos trata de um tema comum e não tem nenhuma grande reviravolta, mas é exatamente aí que está a sua força, já que retrata com realismo situações pelas quais todo mundo passa.

Título no Brasil: Conversas entre Amigos

Título original: Conversations with Friends

Autora: Sally Rooney

Tradução: Manuel Alberto

Gênero: Contemporâneo, Romance

Ano de lançamento: 2017

Editora: Alfaguara

Número de Páginas: 264

Foto: Fernanda Cavalcanti

Publicidade

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s