Adaptações, filmes

Filme: A Queda da Casa de Usher, 1928

Roderick Usher (Jean Debucourt) está obcecado por um retrato de sua esposa, Madeline (Marguerite Gance), enquanto a Madeline de verdade está morrendo.

Quando Madeleine de fato falece, ela é enterrada na cripta da família, mas eventos estranhos fazem Usher pensar que existe um mistério por trás da morte da mulher.

A Queda da Casa de Usher é inspirado no conto de mesmo nome de Edgar Allan Poe.

A primeira coisa que se deve dizer sobre A Queda da Casa de Usher é que ele é um filme mudo, portanto, os diálogos, quando existem, se dão através de telas com as inscrições, mas boa parte da história é mostrada através de gestos, rostos e cenas bem explicitas.

Ele pode soar estranho para o público atual que está acostumado com filmes com diálogos e com filmes com mais ação. Mas A Queda da Casa de Usher é um bom filme, que segue a história de Poe.

O longa acompanha Roderick Usher, um homem obcecado por uma pintura de sua esposa, Madeline. A Madeline verdadeira, no entanto, está à beira da morte. Toda essa construção dá a obsessão de Usher pelo quadro um tom quase doentio, a sensação que se tem é que Usher já substituiu sua mulher, que ainda está viva, pelo quadro. Conforme a história se desenvolve, Madeline morre e é enterrada na cripta da família, enquanto Usher segue obcecado pelo quadro.

Coisas sinistras começam a acontecer na propriedade e a audiência logo nota que existe algum mistério envolvendo a morte de Madeline.

A Queda da Casa de Usher é um filme de terror, que se vende como um terror sobrenatural, no entanto, ao longo do tempo, a plateia vai notando que existem explicações bem realistas para o que está acontecendo na mansão e isso é uma constante nos contos de Poe. Apesar disso, A Queda da Casa de Usher funciona, porque o clima do filme é muito misterioso.

O longa tem também uma estética bem sinistra, ele é em preto e branco e usa bastante do jogo de luz e sombras, as maquiagens bem exageradas ajudam a dar essa impressão. Um filme mudo também precisa de atuações que são bem teatrais e é isso que vemos em cena, o que também pode soar estranho para quem está acostumado a assistir longas com interpretações mais discretas.

De uma maneira geral, A Queda da Casa de Usher é um bom filme, embora ele não tenha um ritmo muito rápido e se torne um pouco parado com o tempo. Ele tem aspectos técnicos bem cuidados e as escolhas feitas por Jean Epstein fazem sentido e conversam com a obra original.

A Queda da Casa de Usher é um filme que assusta e que faz jus ao conto de Edgar Allan Poe.

Título no Brasil: A Queda da Casa de Usher

Título original: La chute de la maison Usher

Direção: Jean Epstein

Gênero: Terror

Ano: 1928

Duração: 1 h 3 min

Elenco: Jean Debucourt, Marguerite Gance, Abel Gance, Charles Lamy, Fournez-Goffard

Publicidade

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s