Adaptações, filmes, Sem categoria

Filme: Os Assassinatos da Rua Morgue, 1932

O Dr. Mirakle (Bela Lugosi) apresenta seu show de variedades com Erik, o homem-macaco, onde ele ressalta a teoria de que o homem é parente do macaco. Ao mesmo tempo, Paris está sendo assombrada por vários assassinatos de jovens mulheres.

O estudante de medicina Pierre Dupin (Leon Waycoff) acredita que os crimes estão conectados e que talvez sejam obra da mesma pessoa e começa a investigar qual é a relação de tudo isso com o Dr. Mirakle.

Os Assassinatos da Rua Morgue é inspirado no conto de mesmo nome de Edgar Allan Poe.

Os Assassinatos da Rua Morgue é mais um daqueles filmes da Universal que explorava o gênero do terror, esse longa em especial não tem como personagens os monstros clássicos, pelos quais a produtora é conhecida, mas ele é inspirado em outro grande nome da literatura gótica, Edgar Allan Poe. Apesar da falta de monstros, Bela Lugosi, famoso por interpretar o Drácula, está no elenco do filme. Mas também como acontece em vários desses filmes inspirados em livros, nada é totalmente fiel.

A trama do conto de Poe está presente: existe uma espécie de circo na cidade, onde um homem-macaco se apresenta, ele se comporta muito mais como um animal selvagem e exótico do que como um homem, o dono do circo, Dr. Mirakle também é um curioso sobre a evolução e faz os seus próprios estudos. Paris está sendo assolada por uma série de mortes de jovens mulheres, que parecem não ter qualquer explicação humana. É óbvio que as duas histórias se conectam, mas não da mesma maneira que acontece na obra original.

Algumas das adaptações do filme se dão em função da falta de efeitos da época: o homem-macaco, por exemplo, que no livro é um macaco mesmo. Em 1932 talvez a ideia de usar um macaco treinado não fosse razoável e não existia nenhum efeito que pudesse criar um macaco virtual, o que restava então, era um homem usando uma roupa de macaco. Como ele não soa nem vagamente realista e é óbvio que é um homem fantasiado, é mais fácil transformar o personagem em um “homem-macaco”, embora o longa não dê nenhuma explicação para a origem da criatura.

Os Assassinatos da Rua Morgue trabalha com o que tem, mas também faz algumas mudanças que alteram demais o rumo da história, o que por si só, não é ruim, mas pode decepcionar quem espera uma obra fidedigna. Nessa versão, a história, que é muito pautada no terror e que flerta com o sobrenatural, ganha um ar um pouco de ficção cientifica, já que o Dr. Mirakle está pesquisando a semelhança entre o homem e o macaco e faz seus próprios experimentos.

O filme mantém uma ideia que está presente no conto e que é muito interessante: essa insinuação de que existe uma explicação sobrenatural para os assassinatos, já que eles soam quase irrealistas, mas conforme a investigação vai se desenrolando, fica claro que tudo que acontece ali é de origem humana.

Os Assassinatos da Rua Morgue é um filme policial, que mergulha no terror em vários momentos, mas ele não é especialmente assustador, mesmo porque a falta de efeitos o prejudica nesse sentido, principalmente para os olhos atuais, mas ele tem uma aura sinistra, que se dá muito em função do Dr. Mirakle.

Bela Lugosi, aliais, está ótimo no papel e é uma das coisas mais instigantes do filme. O resto do elenco também se sai bem.

Os Assassinatos da Rua Morgue não é extremamente fiel a obra de Poe, e muda alguns aspectos do filme, mas traz para a tela outras questões que não estão presentes no conto, mas que nem por isso são menos instigantes. O filme é um bom entretenimento, que vai agradar os fãs de terror e de suspense pela sua aura macabra e pela sua investigação bem pensada.

Título no Brasil: Os Assassinatos da Rua Morgue

Título original: Murders in the Rue Morgue

Direção: Robert Florey

Gênero: Mistério, Policial, Terror

Ano: 1932

Duração: 1h 1min

Elenco: Bela Lugosi, Sidney Fox, Leon Ames, Bert Roach, Betty Ross Clarke

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s